Entorse de Tornozelo

Em virtude de sua alta incidência as lesões ligamentares do tornozelo assumem a cada dia maior importância na prática clínica, trazendo incapacidade imediata e tardia. Uma recente pesquisa realizada alcançou a taxa de ocorrência de 1 a cada 10.000 indivíduos por dia.

Apesar de tudo, seu diagnóstico e tratamento continuam sendo conduzidos com descaso por pacientes e profissionais da saúde. É extremamente errado acreditar que quando ocorre uma entorse do tornozelo, o mesmo jamais terá sua condição normalizada. Outro mito é que na eminência de uma lesão acredita-se que a recuperação de uma fratura de tornozelo tem um prognóstico mais positivo que uma entorse de tornozelo. Quando a reabilitação é feita de maneira eficaz entorses leves e moderadas têm ótimo prognóstico, sendo de fundamental importância o trabalho de propriocepção, fortalecimento e terapia manual.

O diagnóstico na maioria dos casos é realizado através de testes clínicos e exames complementares por imagem, tendo a ressonância nuclear magnética como exame mais realizado e serve principalmente para visualizar os tecidos moles (ligamentos) e uma possível lesão óssea, que pode retardar a reabilitação já que é uma complicação que necessita de um certo tempo para absorção do próprio organismo.

Em 90% dos casos de entorse de tornozelo acomete os ligamentos da região lateral do pé causada por uma força excessiva em inversão (“virar o pé para dentro”). Em outras o acometimento da parte interna fica por conta do movimento contrário (eversão).

É de grande importância o tratamento ser o mais precoce possível a fim de evitar mais perda de massa muscular, retração dos tecidos, perda de mobilidade da articulação e perda de propriocepção. Medidas analgésicas e antiinflamatórias são tomadas com a microcorrente e crioterapia.

Como dito anteriormente um dos principais fatores para evitar a recidiva da lesão é a propriocepção (trabalho na areia, grama, no Power Plate, etc.).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s